Cientistas pedem que pare de beber leite. Quais são as vantagens

Cientistas pedem que pare de beber leite. Quais são as vantagens
Pedro Pixoto
2 minutos
Cientistas pedem que pare de beber leite. Quais são as vantagens

No livro “Your life in your hands” (“Sua vida em suas mãos”), a autora, a professora Jane Plant, geoquímica e chefe científica do British Geological Survey, conta como sobreviveu depois de cinco tumores mamários e a práticas médicas convencionais para tratar o cancro (câncer) – simplesmente eliminando da sua dieta todos os alimentos lácteos.

Muito interessante, não?

Mas o leite não é uma boa fonte de cálcio, importante para fortalecer os ossos?

  • É o que nos dizem.
  • No entanto, os países que mais consomem leite são os que mais têm problemas de osteoporose.

Finalmente, qual a verdade sobre o leite?

Muitos estudos provam que o leite e os seus derivados favorecem o surgimento de doenças coronárias, diabetes, o cancro (câncer), artrite, acne, rinite, sinusite e muitas outras doenças.

Mas o leite, mesmo com essas evidências, tem muitos defensores.

Porque será?

  • Um conteúdo muito bom sobre o leite é um documentário chamado “Got the facts on milk” (“Os fatos sobre o leite”).
  • Esse documentário é muito rico em informações e muito esclarecedor.
  • Recomendamos a que assista a este filme agora (abaixo), pois vai ser muito importante para lhe revelar a verdade sobre o leite.
  • Ele mostra por A mais B que não devemos consumir leite porque ele não nos faz bem.
  • O leite de vaca é um veneno para a nossa saúde.

Os benefícios de desistir do leite

Ossos mais fortes

O maior mito que nos foi ensinado ao crescer é que sem leite, sem músculo. Estudos recente publicados afirman que quanto mais leite consumir, maiores são as suas hipóteses de sofrer uma fractura da anca. Portanto, é seguro dizer que não precisa necessariamente de leite para melhorar os seus ossos.

Nenhuma deficiência de cálcio

Surpreendentemente, o cálcio não está presente apenas nos produtos lácteos como o coalho e o leite. Assim, mesmo que tenha fruta suficiente, vegetais de folha verde, feijão, leite de nozes como o leite de amêndoa e cereais fortificados como os flocos de farelo, ainda pode ter dentes e ossos fortes sem deficiência de cálcio.

Problemas de estômago

Adeus problemas de estômago: Há muitas pessoas que são alérgicas à lactose. A lactose é um açúcar encontrado no leite, ao qual muitos são intolerantes e acabam por sofrer de obstipação. A lactose, uma enzima responsável pela decomposição dos lacticínios, deixa de ser produzida no organismo se se for intolerante à lactose. Assim, até que deixe de consumir leite, os seus problemas estomacais não desaparecerão.

Baixo risco de cancro e diabetes.

Aqueles que deixam de beber leite ou se abstêm do leite têm um risco mais baixo de desenvolver cancro, de acordo com a investigação. Além disso, o leite embalado comercialmente disponível pode ser baixo em gordura mas alto em açúcar, predispondo-nos à diabetes.

Pele melhorada

Não há absolutamente nenhuma correlação entre pele boa e leite. Os dermatologistas recomendam o abandono dos lacticínios se tiver problemas de pele, tais como acne, eczema ou outras perturbações cutâneas. Se tiver problemas de pele, abstenha-se do leite e veja a diferença.

Perda de peso

A ingestão excessiva de leite pode causar um estômago inchado. Não há nenhum estudo científico que sugira que beber leite o fará perder peso. Se quiser perder peso, mantenha-se fiel à soja ou ao leite de amêndoa para obter os melhores resultados.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *